Equipe FGV IBRE

Equipe FGV IBRE
    • Silvia Matos
    • Fernando Veloso
    • Equipe FGV IBRE
    • Fernando de Holanda Barbosa Filho

    Com queda na margem, PTF já se encontra abaixo do nível anterior à pandemia

    Os eventos associados à pandemia da Covid-19 tiveram impactos negativos sobre a atividade econômica e o mercado de trabalho e elevaram de forma extraordinária o nível de incerteza em relação à dinâmica dos indicadores de produtividade, especialmente no Brasil. Uma das medidas amplamente utilizadas é a produtividade do trabalho, que consiste no valor adicionado gerado por trabalhador ou por hora...
    • Equipe FGV IBRE

    Ascensão e declínio: análise do comportamento das ocupações no Brasil

    Janaína Feijó, Laísa Rachter de Sousa Dias, Fernando de Holanda Barbosa Filho e Fernando Veloso Resumo – Este artigo analisa o comportamento das ocupações no mercado de trabalho brasileiro e caracteriza as tendências de ascensão e declínio. Utilizando uma abordagem similar à de Amaral et al. (2018) e os microdados da Pesquisa Nacional por Amostra Domiciliar...
    Artigos 22 nov 2021
    • Equipe FGV IBRE

    Ascensão e declínio: análise do comportamento das ocupações no Brasil

    Janaína Feijó, Laísa Rachter de Sousa Dias, Fernando de Holanda Barbosa Filho e Fernando Veloso Resumo – Este artigo analisa o comportamento das ocupações no mercado de trabalho brasileiro e caracteriza as tendências de ascensão e declínio. Utilizando uma abordagem similar à de Amaral et al. (2018) e os microdados da Pesquisa Nacional por Amostra Domiciliar...
    Destaques 22 nov 2021
    • Equipe FGV IBRE

    Homenagem

    Homenagem da revista Conjuntura Econômica (edição de janeiro de 2018) ao economista Regis Bonelli (1942-2017) Articulador de ideias – Solange MonteiroLeia aqui Formação e atividades profissionais...
    Destaques 04 dez 2019
    • Equipe FGV IBRE

    Medida de força

    Revista Conjuntura Econômica – Para a economia brasileira, o ano de 2015 ficou guardado na caixa dos períodos que não se deseja lembrar. A recessão que começou no segundo trimestre de 2014 chegava ao seu auge, levando o PIB para uma contração de 3,5%. A curva de desemprego, que vinha em queda, reverteu sua trajetória para o caminho ascendente que a levou a fechar o período...
    Destaques 04 dez 2019
Subir