Equipe FGV IBRE

Equipe FGV IBRE
    • Equipe FGV IBRE

    Nota metodológica dos indicadores anuais de produtividade do trabalho setorial no Brasil

    Fernando Veloso, Silvia Matos e Paulo Peruchetti Com o fim do bônus demográfico, a única forma de se aumentar a renda per capita do Brasil nas próximas décadas será por meio da elevação da produtividade do trabalhador. Por isso, discussões sobre o tema da produtividade ganham cada vez mais importância no meio acadêmico e entre os formuladores de política econômica. A literatura...
    • Equipe FGV IBRE

    Baixo crescimento da produtividade do trabalho no Brasil: uma análise dos resultados setoriais desde meados da década de 90

    Fernando Veloso, Silvia Matos e Paulo Peruchetti Com o fim do bônus demográfico, a única forma de aumentar a renda per capita e gerar crescimento sustentável no Brasil nas próximas décadas será por meio da elevação da produtividade do trabalhador. Por isso, discussões sobre o tema de produtividade ganham cada vez mais importância. Diante da relevância do tema e com o objetivo...
    • Equipe FGV IBRE

    Produtividade do trabalho apresenta queda de 0,7% no terceiro trimestre de 2019

    Fernando Veloso, Silvia Matos e Paulo Peruchetti A recente divulgação, por parte do IBGE, das Contas Nacionais Trimestrais e dos dados da Pnad Contínua, permitiu o cálculo do indicador trimestral de produtividade do trabalho do IBRE/FGV. Os indicadores do terceiro trimestre de 2019 apontaram para uma lenta recuperação do nível de atividade econômica, com crescimento do valor...
    • Equipe FGV IBRE

    Homenagem

    Homenagem da revista Conjuntura Econômica (edição de janeiro de 2018) ao economista Regis Bonelli (1942-2017) Articulador de ideias – Solange MonteiroLeia aqui Formação e atividades profissionais...
    Destaques 04 dez 2019
    • Equipe FGV IBRE

    Medida de força

    Revista Conjuntura Econômica – Para a economia brasileira, o ano de 2015 ficou guardado na caixa dos períodos que não se deseja lembrar. A recessão que começou no segundo trimestre de 2014 chegava ao seu auge, levando o PIB para uma contração de 3,5%. A curva de desemprego, que vinha em queda, reverteu sua trajetória para o caminho ascendente que a levou a fechar o período...
    Destaques 04 dez 2019
Subir